Devoções marianas: Milagre de Nossa Senhora da Escada nas origens de Barueri – SP

O início do aldeamento de Barueri remonta ao ano de 1560.

Em 18 de agosto desse ano, a Fazenda Baruery foi doada por Jerônimo Leitão. Acusado por proteger índios, o fazendeiro doou as terras aos jesuítas, entre eles o Beato José de Anchieta SJ, o Apóstolo do Brasil.

O santo jesuíta de posse de uma carta de sesmaria, fundou, em 11 de novembro de 1560, o Aldeamento de Baruery, com índios Guaianazes (do litoral de São Vicente) e Guaicurús (do Planalto de Piratininga).

Uma capela foi erguida onde existe o bairro da Aldeia de Barueri, e a primeira missa realizada por Anchieta data de 21 de novembro de 1560.

Foi quando o Bem-aventurado considerou Nossa Senhora da Escada como padroeira do aldeamento.

A imagem da santa, esculpida em cerâmica, foi trazida de Portugal. Com a fundação do vilarejo de Sant’Ana de Parnayba, em 1580, a harmonia entre índios e jesuítas ficou ameaçada pelas constantes investidas dos bandeirantes, que capturavam índios para utilizar como mão-de-obra.

Para reconstituir a população que estava sendo dizimada, o padre Affonso Gago, no início do século XVII, começou a fazer expedições pelo sul do país, trazendo para Baruery, índios Carijós. Baruery era a mais importante aldeia jesuítica do Brasil.

Em 1632, com a saída de João de Almeida (que comandou o aldeamento por 22 anos) surgiram lamentáveis desacordos com a Câmara de vereadores da Vila São Paulo.

A Câmara era constituída, na época, por ex-bandeirantes, com histórico de muitas investidas contra missões jesuíticas.

A capela foi fechada e os jesuítas foram expulsos.

Capela de Nossa Senhora da Escada em Barueri-SP

Uma violenta represália por parte de oficiais, liderados por Antônio Raposo Tavares depredou a capela e jogou no rio móveis e utensílios.

Alguns índios conseguiram fugir. Na correria, acabaram encurralados em um barranco, onde a morte era certa.

Quando tudo estava perdido, os índios viram Nossa Senhora da Escada, indicando-lhes um caminho feito por uma escada de embira, por onde escaparam.

Neste ataque, em julho de 1633, os bandeirantes atiraram as imagens da igreja no rio Tietê que passa por Baruery, Santana de Parnaíba e Pirapora do Bom Jesus.

Noventa e dois anos depois, em 6 de agosto de 1725, José de Almeida Naves, que tinha um sítio em Pirapora do Bom Jesus, achou uma das imagens atiradas no rio durante o assalto à capela de Nossa Senhora da Escada. De Barueri até Pirapora há 30 quilômetros.

Origem da devoção a Nossa Senhora da Escada

A devoção à Nossa Senhora da Escada desenvolveu-se inicialmente no Oriente na Festa da apresentação de Maria ao templo.

Ela começou a ser celebrada no século VII, porém só no século XIV entrou para o calendário da Igreja no Ocidente.

É comemorada no dia 21 de Novembro.

Segundo alguns Evangelhos Apócrifos Nossa Senhora, ainda criança (por volta dos três anos), foi apresentada por seus pais no Templo de Jerusalém, como exigia a Lei.

Ela subiu a escadaria do altar e no terceiro degrau dançou, manifestando sua alegria diante de Deus.

Recebida, ali, pelo sacerdote foi educada no Templo, em que permaneceu servindo ao Senhor até sua adolescência, segundo uma antiga tradição.

A cena de Maria menina na escada do Templo deu-lhe o titulo que invocamos: Nossa Senhora da Escada.

Como a primeira missa foi celebrada em Barueri no dia da apresentação de Nossa ao Templo (21 de Novembro de 1560) os padres Jesuítas dedicaram a capela do aldeamento à Maria sob o titulo de Nossa Senhora da Escada.

Proclamada padroeira da Barueri em 1956 Nossa Senhora protege com seu manto maternal toda a cidade.

Fonte: O Guardião da Escada via Blog Luzes da Esperança


Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on email

1 Comentário

  • Achei muito interessante a história de Nossa Senhora da escada. Parabéns pela publicação… Que Nossa Senhora da escada rogue por nós!

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inclua agora seu nome na Missa de Nossa Senhora de Fátima.

Basta ligar para:

0800 608 2128

DÚVIDAS

Clique nas perguntas para ver as respostas

Quando você quiser. Trata-se doação espontânea e não de um título comercial que poderá ser protestado. Para cancelar basta ligar para (11) 4368 2253 ou até nos contatar por outros canais. Mas lembre-se que a sua doação é a forma de participar de um apostolado e até receber graças.

O Grupo Exército da Medalha Milagrosa é formado por pessoas que acreditam na intercessão de Nossa Senhora das Graças através da Medalha Milagrosa e querem espalhar essa devoção pelo Brasil, atendendo ao pedido que Ela fez: “Faça cunhar uma Medalha por este modelo…”. Nossa Senhora pode contar com você?

Quando fazemos algo que nos custa algum sacrifício, isso tem mais méritos aos olhos de Nossa Senhora, Mãe de Misericórdia. Quanto mais você fizer pela Virgem Maria, mais graças estará atraindo para a sua vida. Economizando uma moedinha por dia, 1,00 Real, ao final do mês você terá condições de participar do Grupo Apóstolos de Fátima. Faça um voto de fé e experimente.

Bem, além do cartão de crédito você pode nos ajudar de outras formas. Mas você também pode ver se algum familiar pode lhe emprestar seu cartão de crédito para debitar essa doação. Ele também será incluído nas Missas. Muitas vezes você pode utilizar um cartão de uma loja de departamento, até supermercado. Como um cartão da Riachuelo, C&A, etc., desde que tenham a bandeira VISA ou Mastercard.

Não precisa se preocupar. Nós contratamos um sistema de SITE SEGURO, exatamente como os bancos. Na hora de preencher seus dados no site, veja que terá um cadeadinho no canto superior esquerdo da tela. Ele á a garantia de um site 100% seguro. Pode confiar e ir em frente.

PARABÉNS. São poucas as pessoas que realmente agem para fazer o bem, sem egoísmo. Mas, pessoas como você, geralmente são mais solicitadas dos que os que nada fazem. E Deus, que a tudo vê, saberá recompensá-las. Faça esse gesto por Nossa Senhora de Fátima. Faça como uma promessa ou voto de fé. Ela certamente escutará as suas preces e lhe atenderá.

Claro. Mas lembre-se da Virgem Maria quando o Arcanjo Gabriel lhe perguntou se Ela queria ser a mãe do Messias. Mesmo pobre e mocinha ELA DISSE SIM, sem deixar para depois, afinal, era um pedido do Espírito Santo. Será que a Virgem Maria não está esperando o seu SIM bem agora? Por que deixar para depois?

Pense que a sua ajuda nos permitirá levar este símbolo de Proteção e Bênçãos Marianas a muitas famílias que necessitam. E lembre-se que você contará com missas semanais, terá seu nome levado até o Santuário de Nossa Senhora das Graças e outros presentes. Tudo para lhe agradecer por essa valiosa ajuda. Além disso, você certamente contará com as graças de Maria em sua vida.

Muitos pensam que Missa só se manda celebrar para os falecidos. Ao contrário, ter missas em nossas intenções, enquanto estamos nessa terra, é muito importante. Por isso decidimos por esta forma de lhe agradecer pela sua generosa doação, com este presente de valor infinito. Cada Missa é a renovação do sacrifício de Nosso Senhor.

Sem problemas. Nossa Senhora das Graças quer a ajuda daqueles que o fazem com generosidade e sinceridade. Uma doação obrigada nunca será bem vinda para um apostolado mariano com a missão de difundir a devoção a Nossa Senhora das Graças e a Medalha Milagrosa. Uma doação generosa e dada de boa vontade atrairá bênçãos para você, para sua família e para toda essa obra apostólica.