Vida de Nossa Senhora na Sagrada Família

sagrada-familiaJesus era o centro do amor de Maria e de José. Onde se encontra o corpo, as águias se ajuntam; onde está o tesouro, ai está o coração. Jesus constituía, portanto, o centro desses ditosos pais. Era-lhes indiferente estar em Belém, ou em Nazaré, ou no Egito; possuir Jesus era tudo para eles.

Jesus constituía a finalidade da vida de Maria e de José. Somente para Ele viviam e trabalhavam. Oh! Com que prazer o bondoso São José labutava para lhe ganhar o pão cotidiano, como também para a sua divina Mãe! Que contentamento lhe dava, em vista

disto, o salário de seu trabalho, cujas dificuldades se lhe tornavam agradáveis porque tinham a Jesus por objeto!

Jesus era o alimento continuo da vida de união e de amor de Maria e José. Sentiam-se tão felizes em contemplá-Lo , ou vi-Lo, assistir o seu trabalho, e em admirá-Lo a obedecer e orar!

Sua maior felicidade consistia porém, e mui particularmente, na contemplação de seus afetos e nos motivos de suas virtudes. Viam-No sempre procurar e preferir as ocasiões de praticar a pobreza, a obediência, a mortificação; contemplavam suas humilhações e seus aniquilamentos, e admiravam a fidelidade com que Ele tudo referia à maior glória de seu Pai, sem se reservar, como homem, qualquer louvor e honra, dirigindo tudo a Deus.

Jesus, Maria e José visavam uma única coisa na vida: glorificar o Pai celeste.

Oh! como é feliz a alma quando contempla o interior da Sagrada Família, procurando ouvir tudo o que aí se dizia, e ver o que se fazia. Certamente Jesus explicava então à Maria e a José tudo quando dEle narravam as Escrituras; revelava-lhes o Calvário. Provavelmente lhes falava ainda da Igreja, dos Apóstolos, das Ordens Religiosas que se consagrariam à sua glória, bem como a deles, e posso crer que lhe falava de mim, de minha miséria e do imenso amor que me dedicava…

(MÊS DE NOSSA SENHORA DO SANTÍSSIMO SACRAMENTO — Meditações extraídas dos escritos do Bem-aventurado Pedro Julião Aymard — Pe. Alberto Tesnière, S.S.S. — Tip. Maria Auxilium 1ª. edição, 1936, pp. 78 — 80.)

  1. Emilio Trentin
    15, abril, 2013 em 14:01 | #1

    Já meditei muitas vezes a riqueza do que se passava na Família Sagrada: como Jesus, Maria e José oravam, conversavam sobre a vida humana, como se dedicavam ao trabalho, como auxiliavam todas as pessoas e famílias necessitadas, como liam, interpretavam e viviam a palavra sagrada. Coloquemo-nos dentro da casa da Família de Nazaré e entenderemos todo o sentido da oração em família.

  2. irani
    3, agosto, 2011 em 09:16 | #2

    Tenho muita fé na intercessão de maria santissima junto a seu filho jesus.Ela tem dado muita graças naquilo que peço. Amoooooooo…..! muito minha mãezinha do céu. Que ela continua a pedir seu filho por nós. MÃEZINHA protege meus filhos nesse dia de tudo que faz mal a ele,principalmente aao meu DEUS. AMADA MÃE FICA CONOSCO!

  3. Eduardo Edison dos Reis
    27, junho, 2010 em 22:46 | #3

    Na minha pequenez sabedoria, JESUS, nunca falou sobre o mau a seus seguidores e nem
    a Maria e Jos

  1. Nenhum trackback ainda.

Receba diariamente:
Mensagens de Fé e de áudio, Novenas, Orações e muito mais no seu e-mail.

Pesquisar no site

Veja o que acabamos de publicar

  • Quando o assunto é “Proteger a Família” este Santo estará com você! Leia Mais +
  • Domingo de Ramos: O que Maria percebeu ao ver Jesus diante da duvidosa saudação? Leia Mais +
Topo ↑

Inclua agora seu nome na Missa de Nossa Senhora de Fátima. Basta ligar para: 0800 608 2128

Rua: David Pimentel, 745, Fazenda Morumbi
CEP 05657-010 - São Paulo/SP

Política de Privacidade