Cardeal aprova cerimônias de “Bênção” de casais homossexuais.

Cardeal Reinhard Marx

Cardeal Reinhard Marx

.
O cardeal Reinhard Marx, presidente da Conferência Episcopal da Alemanha, assegurou que, para ele, os sacerdotes católicos podem realizar cerimônias de “benção” para casais homossexuais.


Falando à estação de rádio alemã Bavarian State Broadcasting em 3 de fevereiro, o cardeal Marx disse que “não pode haver regras” sobre esse assunto.

Em vez disso, a decisão de se uma união homossexual deve receber a bênção da Igreja deve estar nas mãos de “um sacerdote ou um agente pastoral”, e deve ser realizada caso a caso.

A entrevista foi realizada no quadro do décimo aniversário do cardeal Marx como arcebispo de Munique e Freising, na Alemanha.

O cardeal alemão perguntou-se:


“Por que a Igreja nem sempre avança quando se trata de exigências de alguns católicos sobre, por exemplo, a ordenação das diaconisas, a benção dos casais homossexuais ou a abolição do celibato obrigatório (sacerdotal)”?


O arcebispo de Munique e Freising indica que, para ele, a questão importante que deve ser feita é como “a Igreja pode enfrentar os desafios colocados pelas novas circunstâncias da vida hoje. Mas também para novas perspectivas, é claro, “particularmente no que diz respeito à pastoral.

Descrevendo isso como uma “orientação fundamental” enfatizada pelo Papa Francisco, o Cardeal Marx pediu que a Igreja “a situação do indivíduo, … sua história de vida, sua biografia … seus relacionamentos” mais seriamente e o acompanhe.

O arcebispo alemão apelou recentemente a uma abordagem individual da pastoral, que, segundo ele, não está sujeita a regulamentos gerais nem ao relativismo.

Que o “cuidado pastoral mais próximo” também se aplique aos homossexuais, disse o cardeal Marx na entrevista.


“E também é preciso encorajar sacerdotes e agentes pastorais a encorajar as pessoas em situações concretas. Eu realmente não vejo nenhum problema lá”.


A forma litúrgica específica dessa bênção, ou outra forma de “respiração”, é um assunto bastante diferente, disse o Cardeal, e requer uma consideração mais cuidadosa.

Perguntado se ele realmente está dizendo que ele “poderia imaginar uma maneira de abençoar os casais homossexuais na Igreja Católica”, o Cardeal respondeu “sim”, acrescentando que, no entanto, eles não poderiam ser “soluções gerais”.

“É sobre o cuidado pastoral de casos individuais, e isso também se aplica em outras áreas, que não podemos regular, onde não temos um conjunto de regras”, disse ele.

Para o Presidente da Conferência Episcopal Alemã, a decisão sobre a benção dos casais homossexuais deve ser feita por “o pastor no campo e o indivíduo sob cuidado pastoral”.


O Cardeal também reiterou que, na opinião dele, “há coisas que não podem ser reguladas”.

.
Por: Anian Christoph Wimmer

.
.
*  *  *

.
botao-oferta-adf

Se você NÃO tem Facebook, comente abaixo a:
  1. Vladimir Fernandes Lucena da Silva
    9, fevereiro, 2018 em 14:34 | #1

    Salve Maria! Alguma dúvida de se a fumaça de Satanás entrou ou não na Igreja? Rogai por nós Santa Mãe de Deus. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém.

  2. Maria Rossi
    9, fevereiro, 2018 em 12:39 | #2

    Esse Cardeal deve ter algum problema mental.

  1. Nenhum trackback ainda.

 

Receba diariamente:
Mensagens de Fé e de áudio, Novenas, Orações e muito mais no seu e-mail.

Pesquisar no site

Veja o que acabamos de publicar

  • Há dois tipos de arrependimento – O Perfeito: por amor de Deus e o Imperfeito: por medo do inferno. Veja como funciona. Leia Mais +
  • Você quer que Deus visite sua alma? Então veja como Ele pode fazer isso. Leia Mais +
  • Os 10 mandamentos do mundo! Veja o que eles dizem e deixe sua opinião. Leia Mais +
  • Incrível. Esta joia é a mais valiosa de todas! Leia Mais +
  • Veja como a fé em Maria Santíssima pode mudar a sua vida. Leia! Leia Mais +
Topo ↑

Inclua agora seu nome na Missa de Nossa Senhora de Fátima. Basta ligar para: (11) 4368-2253

Rua: David Pimentel, 745, Fazenda Morumbi
CEP 05657-010 - Sáo Paulo/SP

Política de Privacidade