Milagres de Fátima: A Esperança da Cura

.Maria do Carmo, de 47 anos, natural da cidade de Arnal, em Portugal, havia cinco anos que sofria de uma penosa enfermidade..

Apresentava todos os sintomas da tuberculose, agravada, desde os princípios de 1916, com dores agudas e persistentes em todo o corpo e outras indisposições. Suspeitava-se que tivesse um tumor no útero. .

Não podendo comer, nem dormir, em julho de 1917 viu-se reduzida aos últimos extremos e, resignadamente, aguardava a morte quando ouviu falar nos fatos extraordinários ocorridos na Cova da Iria, local das aparições de Nossa Senhora, a trinta quilômetros da região onde morava..

Um raio de esperança iluminou a sua alma e fez votos de ir quatro vezes à Fátima a pé e descalça, para obter por intercessão da Virgem Santíssima a cura desejada….

As peregrinações.

Em 13 de agosto queria iniciar a sua promessa, mas o marido opôs-se terminantemente: “Somos pobres e não temos dinheiro para alugar um carro; a pé é impossível, poderias morrer no caminho. Tem paciência; não te deixo ir”. 

Ela, porém, tanto insistiu que o marido teve de ceder e, amparada por ele, pôs-se a caminho à 01h da madrugada..

Chegou à Fátima depois de longas horas de penosíssima viagem, quase desmaiada, sem forças, e “toda uma dor desde os pés até a cabeça”, para nos servirmos da sua própria expressão. Passados alguns instantes, com grande admiração sua, sentiu-se muito melhor. A volta foi menos trabalhosa e desde então pode comer algum alimento..

Em 13 de setembro fez a segunda peregrinação com muito menos incômodo, continuando depois a melhorar lentamente...

A chuva torrencial .

A 13 de outubro, data da sexta e última aparição de Nossa Senhora, partiu pela terceira vez; mas antes de chegar à Fátima foi surpreendida pela chuva torrencial, debaixo da qual chegou ao local das aparições com os vestidos todos ensopados em água. .

Apesar disso, sentiu-se lá perfeitamente bem, as dores desapareceram, e com elas a tosse, o inchaço dos membros e outros sintomas da doença. Voltaram o apetite e as forças. A cura foi perfeita. Passado um ano podia declarar que “não se lembrava de ter passado tão bem, em tempo algum de sua vida”..

Fonte: Nossa Senhora da Fátima de P. L. Gonzaga A. da Fonseca S. J..


 

Depois deste relato emocionante deste Milagre, CERTAMENTE você vai querer ficar cada vez mais próximo de Nossa Senhora.

Só depende de você se querer aproximar-se da Virgem Santíssima!

E sabe como isso é possível?

Basta você pedir a Estampa de Nossa Senhora, para que Ela cuide de você !

Estampa de Nossa Senhora de Fátima

Ligue para:

0800 608 2128

Dica: Se estiver no celular, somente tecle no número para discar automaticamente.

A ligação é grátis para todo o Brasil.

Horário de Atendimento: De segunda a sexta-feira, das 08h às 18h. 

A Virgem Maria, como nossa Mãe, conhece todas as nossas dores, físicas e espirituais.

Tenha Fé em Nossa Senhora e tome a importante decisão de deixar que a Virgem de Fátima cuide de sua vida.

Então não perca mais tempo, ligue agora mesmo e peça a Estampa, que já está benta por um sacerdote.

Ela quer derramar sobre você inúmeras bênçãos!

“Doce Coração de Maria, sede a nossa salvação.”.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inclua agora seu nome na Missa de Nossa Senhora de Fátima.

Basta ligar para:

0800 608 2128